Cesmar promove palestra sobre a filantropia

Na manhã deste Sábado, 08/04, a assistente social da Gerência Social da Rede Marista, Maria do Carmo Hernandorena e a coordenadora de projetos do Centro Social Marista – Cesmar, Rose Canabarro, conversaram com os colaboradores na reunião geral do Cesmar e posteriormente com os pais dos estudantes do Colégio Marista Irmão Jaime Biazus, sobre a reforma da previdência, que pode causar o fim da filantropia.


Maria do Carmo na palestra sobre filantropia

Maria do Carmo explicou o significado de filantropia. “Filantropia significa ter um profundo amor pela humanidade. Filantropia está muito ligada ao Terceiro Setor, fazendo algo para as pessoas onde o Governo não consegue chegar, são empresas que fazem ações para contribuir para uma sociedade melhor”, comenta Maria do Carmo.

A coordenadora de projetos do Cesmar, Rose Canabarro, fez um resgate histórico das lutas que o Cesmar participou por melhorias na comunidade e também mostrou o que o Centro Social está fazendo para que a filantropia não seja extinguida. “ Estamos articulando com alguns vereadores de Porto Alegre e com alguns deputados na Assembleia Legislativa do RS. Esses parlamentares possuem mais facilidade de acesso junto aos deputados federais que analisam a proposta no âmbito federal em Brasília”, informa a coordenadora.


Reunião Geral do Cesmar teve como tema a importância da Filantropia

Ainda na reunião geral os colaboradores puderam dar sugestões de como seguir lutando de diversas maneiras para que a reforma da previdência não atinja a filantropia. Já no Encontro de integração do Colégio, os pais e os estudantes puderam confeccionar cartazes contrários ao fim da filantropia.

O Irmão Odilmar Fachi, diretor do Cesmar, alerta para o que pode acontecer caso haja o fim da filantropia. “Caso a filantropia seja extinta, o Cesmar pode fechar, e por consequência, mais de 1.300 crianças e adolescentes ficarão sem atendimento socioeducativo e educacional”, alerta o diretor.


Diretor do Cesmar, Ir. Odilmar Fachi falou da importância da Filantropia

As estudantes do 1º Ano EM, Júlia Teles e Thainá dos Santos Boeira, ambas da turma 211, e Thaisa dos Santos Boeira da turma 212, falaram sobre a participação dos pais com os estudantes e da importância de esclarecer sobre o tema. “Gostei muito da iniciativa do colégio, porque muitas vezes as informações acabam não chegando até os pais, então foi um momento bem importante onde os pais puderam ter mais esclarecimentos sobre o que pode afetar na nossa vida caso a reforma seja aprovada”, analisa Thainá.


Pais e estudantes pedem #NãoAoFimDaFilantropia

Para Júlia foi uma ação que chamou a atenção dos pais. “Eu achei muito importante o colégio ter esse olhar atento e mostrar aos pais a gravidade do problema que estamos enfrentando. Foi uma maneira de também expandir o tema para mais pessoas, já que muitos fizeram cartazes, tiraram fotos e postaram nas redes sociais”, salienta a jovem.

Abaixo-assinado

Segundo uma pesquisa elaborada pelo Fórum Nacional das Instituições Filantrópicas - Fonif, de cada R$ 1,00 (um real) das isenções fiscais, cada instituição filantrópica retorna R$ 5,92 em benefícios para a sociedade. Só no estado do Rio Grande do Sul, cerca de 100 mil estudantes vão perder as bolsas de estudo parciais e integrais em escolas particulares no RS.

Acesse o abaixo-assinado
 

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.

Unidades Sociais Maristas

Rua Ir. José Otão, 11 – Bom Fim
Porto Alegre - RS - Brasil
90035-060


Principais Contatos 0800 54 11 200
[email protected]
Fale conosco